Remontando a unidade RAIZ de um LINUX como RW


Olá pessoal…

Dica rápida mas muito útil…  😀

Muitas vezes, em sistemas RedHat ou SuSE (ou qualquer outra distro  =D ) o sistema acusa algum problema com algum sistema de arquivos, e cai diretamente no BASH em modo de manutenção. Geralmente só conseguimos reverter tal status realizando o fsck para correção de possíveis erros nos sistemas de arquivos, e estes com certeza estarão montados como Read-Only. Porém, muitas vezes precisamos realizar alguma alteração de urgência em casos de problemas com o fsck e/ou em casos de Backup emergencial antes que a “casa caia” de vez, porém nos deparamos com o sistema de arquivos montado como somente leitura…

Para remontar estas partições como RW para realizar alguma alteração em arquivos de configuração (tais como /etc/fstab ou /etc/mtab) deve-se remontar o filesystem como RW. Para isso deve ser feito o simples comando:

mount -o remount,rw /dev/UNIDADE_DISCO

Depois disso a unidade já estará disponível para escrita…

Abraços..!

Por: Franklin Moretti

Referência: man mount

3 thoughts on “Remontando a unidade RAIZ de um LINUX como RW

  1. ola pessoal

    mudei o sistema operacional do meu computador para Fenix
    e quando ele inicia aparece escrito assim ” BEGIN: ESPERANDO POR sistema de arquivos raiz” o que faço?
    por favor me ajudem se alguem souber o que me avisem italofrota@hotmail.com!!!!!!!!!!!!
    aguardo resposta

    1. Italo, basicamente a mensagem é básica… =) Por algum motivo o sistema de inicialização do seu GNU/Linux não está conseguindo montar a partição raiz do sistema ( / ).

      Se conseguires bootar com um live CD analise o layout de partições atual em disco, e melhor ainda, se conseguires montar a partição raiz do disco verifique se o arquivo em /etc/fstab está configurado de forma correta. Vai ser um pouco trabalhoso se esta for a sua primeira experência com Linux.

      Segue alguns links que pode ajudar:

      http://www.tuxfiles.org/linuxhelp/fstab.html

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *